terça-feira, 21 de maio de 2013

SALVADOR, TERRA DE ENCANTOS E DE MINHAS BOAS PUTARIAS







Estive em Salvador-BA a convite de um amigo muito genero$o, que procurou por PUTA NO SKYPE, achou meu site como STRIPER VIRTUAL, onde viu que também sou ACOMPANHANTE, e me convidou a passar uns dias naquela linda terra. Como digo a todos que acessam meu site, www.michellystriper.net, e me querem como ACOMPANHANTE, para fora do estado só viajo na companhia do meu marido.E assim, ele pagou nossas passagens , e lá fomos nós. Saímos do RJ, no meado do ano, com frio. Chegamos a Salvador, aquele sol. Fomos para o hotel designado por ele, com reservas já feitas ( e pagas, é claro ).Ficamos em um hotel de frente para o mar, no Jardim de Alah, ponto estratégico de putaria na cidade, onde rolam doggings em estacionamento próximo ao mar. Eu, como uma STRIPER, que me adoro me exibir, já imaginou, né, de frente para o mar, e de frente para a piscina ? Não prestou.
        Depois de um pequeno reconhecimento da área, fomos dar uma volta na cidade.Eu, claro, de micro short e blusinha, bem a vontade. Muitos olhares recebidos. Meu marido ficava um pouco à distância, logo, surgiram muitas cantadas de pedestres e de motoristas. Voltando ao hotel, peguei uma piscina com meu fio dental, o que deixou alguns hóspedes e o pessoal de serviço loucos rs. Aproveitei para tirar novas fotos para meu blog www.michellystriper.com. Claro, me insinuei para alguns. Muitos acompanhados, ficavam loucos por não poderem correspoder.
        Mais tarde, passeio de praxe pelo Pelourinho, Ribeira, Mercado Modelo, cidade baixa e cidade alta, Campo Grande, etc. Os baianos são atrevidinhos rs rs.Os policiais, então rs ! Passando perto de uma viatura, um policial que estava no banco de trás, desconsiderando a presença do meu marido, falou pra mim, enquanto passávamos ao lado deles : "você é gostosa pra caralho, hein rs ?". Adorei a petulância rs. Voltando ao hotel, não deixei de tirar fotos nua pelos corredores, as quais estarão aqui no meu site, www.michellystriper.com.br . Tb tirei fotos em locais públicos de Salvador.
        A noite, como combinado, o meu baiano genero$o nos pegou no hotel, em um carro que, por dentro, mais parecia um avião, tantos instrumentos e luzinhas ele tinha. Importado. Ele, então, pediu meu marido pra pegar no volante, enquanto "conversava" comigo no banco de trás. Começou a me beijar e a me tocar. Tirou minha blusa e mamou gostoso os meus seios. Libertou sua pica da calça e eu, então, caí de boca, engolindo toda aquela tora. Ele ficou louco. Aliás, loucura total aquela putaria pelas ruas da cidade, mesmo com o carro bem filmado. Quando meu amante estava doido de tesão, pedi que colocasse uma camisinha e sentei em sua piroca, de frente, beijando-o, quicando e rebolando gostoso. Claro, ele não aguentou por muito tempo aquela sacanagem, e encheu o preservativo com seu leitinho. Tirou-o e eu tratei de limpá-lo, deixando-o prontinho pra mais uma. Paramos em um restaurante de luxo da cidade,e vc pode imaginar o alvoroço, não é ? Uma mulher seminua no recinto, onde imperam vestidos longos. Meu amigo nem ligou. E eu, acostumada a me exibir como STRIPER VIRTUAL, e eu como ligo muito menos, tô nem aí. Depois de um jantar delicioso e excitante, pois me insinuei para diversos homens no salão, fomos deixados no hotel e marcamos para mais tarde uma fantasia a ser realizada para meu genero$o amante.
        Hora marcada, estava ele lá para nos pegar e fomos para o estacionamento do Jd. de Alah, onde ele queria me ver fudendo com os punheteiros que param de carro ali para ver casais transando. a STRIPER CARIOCA na putaria baiana. Parou sua máquina e começamos a putaria dentro dela, eu chupando a piroca dele e do meu marido ao mesmo tempo. O carro foi, em poucos minutos, cercado por punheteiros, já em movimentos de vai e vém nos seus membros, já eretos. Depois, sentei novamente na sua pica já devidamente encapada, enquanto chupava meu marido. Ainda bem que o carro era grande. Gozou novamente, e eu, novamente, o limpei com minha ágil linguinha. Meu amante, então, pediu que eu saísse do carro e fizesse a alegria da galera punheteira. Saí e comecei a beijar um por um, pois adoro beijar na boca.E quem se importou em ter um restinho de gosto de porra nela? Ninguém nem percebeu, tamanho o tesão. Depois, coloquei meus seios para fora da blusa e deixei para serem chupados. Pareciam bezerros famintos. Meus seios ficaram molhados de tanta chupação. De repente, fui forçada por um deles a chupar sua tora. Quando vi, já eram umas cinco ou seis em volta de mim, e eu dando conta de todas, em revezamento 4 x 100. Quando percebi, já estava sendo fudida por um, mamada por outro e chupando outro. Depois, trocavam. Era tudo sincronizado entre eles que parecia ensaiado. Que putaria gostosa ! E no final, como prêmio para os que fuderam e seguraram o gozo, tiveram minha boquinha de depósito de leite. Foi um banho de esperma. Sorvi cada gota, limpei cada piroca. Todos saíram muito satisfeito. E meu amante genero$o mais ainda, pois teve tudo o que desejou e que planejou, dizendo que valeu cada centavo do investimento, prometendo um bis.

Um comentário: